terça-feira, 27 de outubro de 2009

REGRAS E PENALIDADES DO HANDEBOL


A Área do Goleiro
No Handebol, a área do goleiro é tão importante que quase todo jogo depende dela.
O próprio goleiro de uma equipe pode sair da sua área e jogar como qualquer jogador, desde que não tenha a bola em seu poder no momento da saída da área.
Fora de sua área, o goleiro é considerado um jogador de quadra e está sujeito às mesmas regras que os demais. Pode voltar para a sua área a qualquer momento desde que esteja sem a bola.
Ao jogador é permitido:
· Utilizar braços e mãos para se apoderar da bola;
· Utilizar a mão aberta para tirar a bola do adversário (sem bater):
· Barrar com o tronco o caminho do adversário, mesmo que ele não esteja com a posse da bola.

As principais faltas do jogador são:
· Agarrar, empurrar, segurar o adversário;
· Socar a bola para desviá-la do adversário;
· Invadir a área do goleiro;
· Usar os pés para apossar-se da bola ou defender-se;
· Ficar com a bola na mão por mais de três segundos;
· Dar mais de três passos sem bater ou passar a bola;
· Jogar-se sobre a bola que se encontra rolando na área de jogo.

A primeira coisa que você deve saber é que somente o goleiro tem o direito de permanecer em sua área. A área do goleiro é violada sempre que um jogador (adversário ou não):
· Invade-a propositalmente;
· Pisa ou cai sobre a linha da área de goleiro com qualquer parte do corpo, e se beneficia desta ação.

Então, se durante o jogo a bola chegar até a área de goleiro, poderá ser devolvida ao campo somente pelo goleiro.
É proibido a qualquer outro jogador tocar na bola que ali se encontrar, parada ou rolando ou mesmo com o próprio goleiro.

Tiro de Lateral
No centro da quadra, o árbitro apitou, dando início à partida, e a bola foi passada para um companheiro. O jogador recebeu a bola, conduziu até a quadra adversária e arremessou. A bola foi interceptada por um adversário e saiu pela linha lateral ou linha de fundo.
Tiro lateral assinala o árbitro. A bola será reposta em jogo por um jogador que, colocado com um ou os dois pés sobre a linha lateral, a arremessa para outro companheiro.

Desde que o jogador se mantenha com um pé sobre a linha de lateral, poderá fazer a reposição de qualquer maneira, mas de preferência com uma das mãos.
No Handebol, para cobrar qualquer penalidade o jogador não pode tirar o pé de apoio do chão.
Se o jogador que cobra o lateral não colocar um pé sobre a linha lateral, o árbitro corrige-o.

Tiro Livre
Se um jogador, de posse da bola, é agarrado quando tenta infiltrar-se entre seus adversários, o árbitro marca a infiltração e determina o tiro livre.

Na cobrança do tiro livre os jogadores da defesa podem ficar alinhados em ao lado do outro, com os braços levantados, formando uma barreira. Devem estar a uma distância igual ou superior a três metros em relação ao atacante com a bola.
O tiro livre é cobrado da linha de tiro livre quando a infração ocorre nas imediações da área de goleiro. Pode ser executado sem esperar a autorização do árbitro e a formação da barreira. Porém, se o árbitro apitar, o arremesso deverá ser executado dentro do tempo de 3 (três) segundos. Caso se esgote o tempo, será cobrado tiro livre pelo adversário.
Durante a execução do tiro livre, nenhum jogador da equipe que está de posse da bola poderá ficar entre a linha de gol e a linha de tiro livre. Além disso, ao jogador atacante não é permitido atirar a bola contra a barreira. O jogador poderá arremessar ao gol, por cima ou pelo lado da barreira, desde que não ameace a integridade física do adversário. Essas infrações são punidas com tiro livre.
O tiro livre é aplicado quando o jogador:
· Toca a bola com os pés;
· Entra e sai irregularmente do campo;
· Maneja a bola irregularmente;
· Comete infrações nas imediações da área de gol;
· Agarra, empurra ou segura o adversário;
· Dá mais de três passos com a bola na mão;
· Atira-se sobre a bola que está rolando;
· Soca a bola para tirá-la do adversário.

Infrações cometidas pelo goleiro também são punidas com tiro livre.
Quando as infrações não são cometidas nas imediações da área do goleiro o tiro livre é cobrado do local exato onde ocorreu a infração.

Tiro de Meta
O tiro de meta é cobrado quando um adversário arremessa à baliza e a bola sai pela linha de fundo, tocada ou não pelo goleiro. Somente o goleiro pode executar o tiro de meta.

O tiro de meta deve ser executado dentro da área de goleiro e durante o arremesso o goleiro, se quiser, pode tirar o pé de apoio do chão.
Ao cobrar o tiro de meta, o goleiro pode aproveitar-se da distração do goleiro da outra equipe e arremessar direto à baliza adversária, marcando o gol.
O gol será válido, pois se pode obter um gol diretamente e em conseqüência de um tiro de meta, de um tiro de lateral ou de um tiro de saída.
Quando um arremesso é desviado por um jogador adversário (exceto pelo goleiro) para a linha de fundo, o árbitro marca tiro de lateral. Veja como ele é cobrado:




Ao cobrar esse tiro de lateral, o jogador pode lançar a bola para um companheiro, que salta para dentro da área, fazendo gol. O gol será válido, desde que o jogador não toque o chão antes do arremesso e não pise sobre a linha na hora do salto.


Tiro de Sete Metros
Quando o jogador se conduz irregularmente, agarra o adversário para impedir clara oportunidade de marcar gol ou lança intencionalmente a bola para o goleiro da própria equipe, é aplicada a penalidade do tiro de sete metros.

O tiro de sete metros, muito perigoso para a equipe punida é aplicado a infrações graves.

Como seu próprio nome diz, na cobrança dessa penalidade a bola é arremessada da linha de tiro de sete metros.

Mas preste atenção:
· O tiro de sete metros deverá ser executado pelo jogador em até 3 (três) segundos;
· Após o apito do árbitro, o jogador não poderá bater a bola no chão. Se o fizer, o tiro será considerado cobrado;
· Na cobrança do tiro de sete metros o jogador não poderá tirar o pé de apoio do chão, neste caso, será o pé que estiver na frente. No entanto, é permitida a queda do corpo para frente;
· Se o jogador que cobrar o tiro de sete metros infringir qualquer uma das regras acima, a execução será invalidada e será cobrada um tiro livre contra a equipe do infrator;
· Na execução do tiro de sete metros, o goleiro pode movimentar-se livremente e avançar até 3 (três) metros de distância da linha de sete metros. Se na execução do tiro de sete metros o arremessador não marcar gol, devido a irregularidade da posição do goleiro, o tiro será repetido;
· Os jogadores da equipe adversária não poderão ultrapassar a linha de tiro livre até que o tiro de sete metros seja cobrado. Se isso acontecer, haverá repetição da cobrança do tiro de sete metros.

Substituições
Nas ocasiões em que algum jogador não está em boas condições físicas, cansado ou machucado, ele pode ser substituído.
O jogador reserva deve entrar na quadra pela zona de substituição. O reserva pode entrar sem avisar a mesa de controle, desde que o jogador a ser substituído já tenha abandonado a quadra.


Já a substituição do goleiro deve ser feita quando a equipe a que pertence estiver de posse da bola. Qualquer jogador poderá substituir o goleiro. O goleiro a ser substituído sai da quadra pela zona de substituição e o substituto entra na quadra pelo mesmo lugar.
Caso ocorra alguma irregularidade na substituição, a equipe infratora será penalizada. Conheça melhor essas penalidades específicas do Handebol, que são aplicadas progressivamente também nos casos de faltas violentas, atitudes antidesportivas e outros.

Advertências
Quando um jogador comete falta violenta sobre o adversário, toma atitude anti-regulamentar ou antidesportiva, é punido com uma advertência.
Para assinalar a advertência a um jogador ou a um dirigente oficial, o árbitro deve exibir claramente o cartão amarelo ao infrator.

Exclusão
Uma exclusão deve ser dada nos seguintes casos:
· Substituição irregular ou entrada anti-regulamentar na quadra de jogo;
· Repetidas infrações no comportamento para com o adversário, sancionadas progressivamente;
· Conduta antidesportiva repetida por parte de um jogador, na quadra de jogo.
Em casos excepcionais a exclusão pode ser dada sem advertência prévia.
A exclusão é claramente anunciada ao jogador faltoso e ao secretário pelo gesto oficial: um braço elevado verticalmente com os dedos indicador e médio estendidos.
A exclusão será sempre de dois minutos de jogo, durante os quais o jogador punido não poderá ser utilizado. Sua equipe só poderá ser completada depois de esgotado o tempo da punição. O período de exclusão inicia quando o árbitro apita a retomada do jogo.
Se um mesmo jogador for excluído por três vezes, será desqualificado automaticamente.

Desqualificação
A desqualificação será dada nos seguintes casos:
· Depois da terceira exclusão de um mesmo jogador;
· Conduta antidesportiva grave, seja por parte de um jogador, seja por parte de um oficial.

Para desqualificar um jogador ou um dirigente oficial, o árbitro deve mostrar claramente o cartão vermelho, após a interrupção do tempo de jogo, ao elemento punido.
A equipe cujo jogador tenha sido desqualificado jogará com um elemento a menos durante um período de dois minutos. Passado esse tempo, a equipe pode colocar na quadra o mesmo número de jogadores que tinha antes da desqualificação.

Expulsão
A expulsão será dada em caso de agressão dentro e fora da quadra. Considera-se motivo de expulsão uma agressão física cometida contra um jogador, árbitro, secretário, demais oficiais ou espectador.
A expulsão é anunciada diretamente ao jogador faltoso, a seu dirigente responsável e ao secretário imediatamente após a interrupção do tempo de jogo.
O árbitro anuncia a expulsão elevando os antebraços cruzados na altura da cabeça. A expulsão se aplica sempre para o tempo de jogo restante, de modo que o elemento expulso não pode ser substituído. Deve deixar a quadra e o banco de reservas.

11 comentários:

  1. Amei, muito bom!
    Bem explicado, super legal!
    Parabéns!

    ResponderExcluir
  2. Muito bom,
    tem melhores, mais esse ta de mais +.+

    ResponderExcluir
  3. Exatamente o q minha professora pediu!

    ResponderExcluir
  4. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  5. uhuu beiim explicado, apreendii facilmente kk parabééns fikou ótimoo"'!!!

    ResponderExcluir
  6. ótimo seus ensinamentos. Sinceramente esse é o primeiro que diz tudo que eu preciso sobre o handebol. Parabéns.

    ResponderExcluir
  7. E quais sao as penalidades? oq tem q acntecer pra para ser falta? e oq acontece na falta?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa tem q saber até oq acontece na falta é mt burra msm

      Excluir
  8. otimo me ajudou no meu trabalho de educaçao física

    ResponderExcluir
  9. fui desqualificado ontem pois estava no gol e durante um contra-ataque deixei a area e bloqueei a passagem do adversario, este caso realmente é para desqualificação?

    ResponderExcluir